Jardins de Luxemburgo de Paris é especial para piqueniques.

Que história é essa?

Pensando nos Jardins de Luxemburgo, veja que situação passei e que teve um final bacana? Pois bem, com um mapa de paris na mão, perguntei em Português (claro, não sei Francês) para o recepcionista do hotel se os Jardins de Luxemburgo era um lugar legal para esse casal passear e até fazer um pequeno piquenique. Ele foi direto ao assunto e os únicos pedaços de frases que consegui captar, foram: A viúva de Henrique….. por nome de Maria de Médicis, pelo fato de não gostar do Castelo do Louvre, …… os Jardins Luxemburgo e o modelo veio da Itália. Como não estava entendendo quase nada, agradeci e seguimos em busca do Metrô e chegamos lá na maior felicidade do mundo, pois, já descemos na estação Luxemburgo, basicamente dentro do parque.

Aqui, estação de metrô Luxemburgo, onde desemos que fica ao lado do Parque.

Sobre o Parque Luxemburgo:

É o maior parque público da cidade de Paris com mais de 200 mil metros quadrados. Agosto até meados de Outubro é o melhor período para se curtir uma manhã com sol, bater um papo com outros visitantes fazendo novas amizades, transformar a rotina do dia a dia numa espécie de piquenique e acima de tudo, se você for da Terceira Idade ou da Melhor Idade (+60), a vida fica muito mais prazerosa, já que passear aqui, é buscar a saúde e deixar a felicidade tomar conta da gente, é tanto, que só fomos embora do local lá pelo entardecer.

Nos canteiros, existem diversos tipos de flores para você se encantar e tirar belas fotos.

Além do grande Palácio de Luxemburgo, o Jardim é todo decorado com exuberantes estátuas, lagos, pomares e muitas árvores com gramados nas principais alas, alas para crianças, esporte e até praças de exposição cultural e teatro existem dentro do parque. É um grande espaço apropriado para lazer, que também, resolvemos transformar nosso passeio em um piquenique.

Não podia ser diferente, também, fizemos nosso lanche.

Com o palácio dos Senadores ao fundo, aqui pousamos foto…

Bem no centro do parque tem esse belíssimo lago e para encantar sua beleza, dois barquinhos navegando…

O Chafariz dos Médici:

Quando chegamos aqui, foi que entendi a conversa com o recepcionista do hotel, relatado no início da postagem. Já no final da tarde, nos últimos preparativos para irmos embora, descobrimos à Fonte de Maria de Médici, viúva de Henrique IV, a mulher que iniciou a construção do Palácio de Luxemburgo e dos seus imensos Jardins e aí, comecei a entender tudo aquilo que o recepcionista do hotel estava me repassando.

A Fonte ou Chafariz da família Médici.

Confira também:

Dicas de hotéis em Paris pela Booking.

Dicas da Torre Eiffel antes de você chegar lá.

Visite o lugar onde está o túmulo de Napoleão.

Dicas para subir o Arco do Triunfo e ver Paris em 360 graus.

Siga nosso Instagram e veja antes fotos com dicas de outras viagens.

Sobre nós.

“Realizar sonhos é o nosso objetivo” Viaje na Melhor Idade!

 

Mapa do Destino

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *